Saiba mais sobre os cuidados e benefícios do seu neném crescer com um melhor amigo.

Esse assunto sempre levantou muitas discussões e críticas, já que muitos ainda entendem que ter um pet em casa, seja cão ou gato, pode gerar problemas de saúde ao neném recém-nascido. E por isso, viemos falar sobre o assunto para que esse tabu seja resolvido!

Nós da PetDriver somos amantes e fãs dos animais e, por isso, queremos que as famílias pets cresçam felizes, saudáveis e unidas, todos, sem exceção. 

pAc95qsMNgODG2x7rpNq xN3iRET ePB8Z0oWYN9I0Dyxqs1pwuJYAFmhNkp1YbGmEp2 rer3DbPc3UEGqK7KB 0efCCGFjhpeP 6w7NjUsPjan95LayrrsKiEmu3fqW9

A relação dos bebês e animais de estimação sempre gera dúvidas nos pais, afinal de contas, muitos pets são tratados como filhos e correspondem com muito carinho e apego. Mas, como fica esse convívio com a chegada do recém-nascido?

O site bebêmamãe diz que a relação de bebês e animais de estimação é muito valiosa, mas precisa ser organizada com alguns cuidados para garantir a saúde e a alegria da família, criando um ambiente seguro e equilibrado, sendo eles:

Pet saudável e com as vacinas em dia

O recém-nascido ainda não tem o seu sistema imunológico bem desenvolvido e qualquer cuidado que evite sua exposição a vírus, bactérias, fungos e doenças em geral é fundamental.

Antes do nascimento do bebê, o ideal é garantir que o cartão de vacinação do pet esteja em dia, assim como as visitas ao vet para fazer o controle preventivo de doenças, evitando, assim, intercorrências graves com o pet durante os primeiros dias de vida do pequeno.

Reforçar a higienização dos ambientes e dos pais

Manter a casa limpa é essencial para quem tem animais de estimação, mas quando o bebê chega, essa tarefa deve ser reforçada, aliás, desde o momento em que os pais descobrem a gravidez!

Mulheres que têm gatos devem evitar a limpeza da caixa de areia dos felinos, por exemplo. O motivo? Os bichanos são hospedeiros de um protozoário que é um dos principais causadores de uma doença grave conhecida das gestantes, a toxoplasmose. Se for necessário higienizar o local, faça isso com luvas e depois lave bem as mãos.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, as infecções perinatais por toxoplasmose afetam até 2,5% de todos os nascimentos. Tais infecções são ainda mais preocupantes, porque tanto as gestantes quanto seus bebês depois de nascidos, são assintomáticos nas primeiras fases da doença.

Além disso, animais que ficam soltos em jardins sujam as patas pisando, inclusive, em suas próprias fezes e urina, ou seja, limpar os ambientes da casa com mais frequência e cuidado será essencial, principalmente porque a sujeira atrai mosquitos e outros vetores de doenças e, em poucos meses, o bebe já estará engatinhando por aí.

Prepare-se para os primeiros contatos

É importante entender que os cuidados para o primeiro contato do animal com o bebê devem começar no início da gravidez. Impedir, por exemplo, a entrada do animal no quarto onde ficará o berço, é uma lição que deve ser ensinada antes do nascimento, garantindo que o pet não associe a proibição com o novo membro da família.

Seu pet precisa entender que o ambiente pode ser livremente acessado por ele, desde que você esteja junto e possa, assim, supervisioná-lo enquanto explora esse novo cantinho especial da casa.

Mostrar as roupinhas e objetos do bebê para o pet é uma boa atitude, assim como conversar com ele e o bebê ainda na barriga. Mencione seus nomes e encoraje o pet a emitir sons para o seu pequeno aprender a reconhecê-lo.

Depois do nascimento, nada de tensão. Deixe que o pet o veja, cheire e tenha contato com o bebê, além de saudável, vai quebrar a expectativa, principalmente se a mamãe tiver passado um tempo fora de casa.

Não deixar o bebê sem acompanhamento de um responsável

Mesmo que seu cão ou gato seja o mais dócil do mundo, ainda assim, não é totalmente seguro deixá-lo a sós com o bebê. Além da curiosidade natural dos pets, um movimento involuntário do bebê pode parecer um convite para uma brincadeira agitada, o que pode assustar ou até machucar o bebê.

Também é preciso considerar que pets inteligentes como cães e gatos, demonstram sentimentos sinceros, inclusive, ciúmes. Por todos esses motivos, o ideal é sempre ter um adulto por perto.

A amizade entre eles cresce com o tempo, respeite!

A chegada do bebê pode causar estranheza e até mesmo solidão, por isso, criar proibições para certos ambientes e atitudes do pet antes do bebê chegar vai fazer com que ele não associe a mudança dos seus “direitos” com o neném. Outra dica valiosa é reforçar que a presença do bebê é algo bom, oferecendo recompensas. Conversas com o pet, seja cão ou gato, dar um petisco, entre outros, vai fazer com que ele curta a nova companhia.

Acima de tudo é preciso respeitar o momento de adaptação entre crianças e pets. A chegada do bebê envolve mudanças na rotina, por exemplo, movimentações na madrugada, novos cheiros, etc. O pet aprende com a rotina de seus donos e sabe que algo está diferente.

Leia também: Seu pet aprende com a sua rotina

Ensine a importância do cuidado e do respeito aos animais

Assim que o bebê começar a perceber o mundo, ele vai aproveitar para absorver o máximo possível de informações, por isso, bons exemplos de cuidado e respeito com os animais vai fazer com que ele aprenda a se relacionar com eles.

Carinho, cuidados, passeios e brincadeiras, mostrarão como é amar e demonstrar seus sentimentos. Estudos mostram que os animais de estimação ajudam a fortalecer o sistema imunológico do bebê e de toda a família. A pesquisa “Pets: do they enhance our immunity” sugere que a exposição aos fatores alérgicos ainda nos primeiros anos de vida ajuda a fortalecer o organismo. Assim, ele compreende o que é nocivo ou não para a sua saúde.

A maternidade é repleta de dilemas como esses, não é mesmo? Nem sempre estão relacionados à saúde ou ao desenvolvimento, muitas vezes, são sentimentos que nos fazem ficar sem saber como agir, mas tudo bem! Aprender faz parte do processo e nossos filhos peludos são mestres em nos ensinar coisas novas.

A PetDriver é sua aliada na sua rotina com o pet, com uma plataforma simplificada, trabalhamos para você e pelo seu pet. Esforços diários para que você consiga entregar mais saúde, bem-estar, vitalidade, longevidade e alegria para o seu bebê peludo.

Participe da Campanha Amor de Mãe e aproveite seus momentos com o seu peludo com economia. Usando o cupom AMORDEMAE você ganha 25%OFF em 4 corridas até o fim de maio.

Use o cupom

AMODEMAE

Baixe o aplicativo e tenha na palma da sua mão um universo pet friendly incrível recheado de possibilidades.

E você? Vai ter neném e possui um peludo em casa? Ou já possui um recém-nascido e um peludo? Conte pra gente nos comentários abaixo como é a sua experiência.

PetDriver – Viva junto de quem você ama. S2

Faça a primeira avaliação!
Aguarde...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.