Saiba como imunizar seu pet contra a raiva e a importância da vacinação

Saiba como imunizar seu pet contra a raiva e a importância da vacinação

A vacinação de cães e gatos é obrigatória e pode ser feita nos postos de zoonose da sua cidade

 

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda que acomete mamíferos, inclusive o homem.

Caracteriza-se como uma encefalite (inflamação no cérebro) progressiva e aguda que pode levar à morte, a taxa de letalidade é de aproximadamente 100%. A doença é causada pelo vírus do gênero Lyssavirus, da família Rabhdoviridae. 

A vacinação é única forma de controlar a doença nos meios urbanos e é de extrema importância para pets e humanos, pois não tem cura e pode matar.

Leve o animal anualmente até um posto de zoonose da prefeitura de sua cidade para se imunizar contra a raiva.  Localize no Google o posto mais próximo da sua região. 

Com que que idade meu pet deve ser vacinado? 

A partir dos três meses de idade, cães e gatos saudáveis devem ser vacinados contra raiva, inclusive as fêmeas grávidas ou que estejam amamentando. Os animais devem ser conduzidos por pessoas com idade e porte adequados para o manejo e para segurança. 

Como os animais contraem raiva? 

A transmissão da raiva ocorre quando os vírus da raiva existentes na saliva do animal infectado penetra no organismo através da pele ou de mucosas, por meio de mordedura, arranhadura ou lambedura. A raiva apresenta três ciclos de transmissão:

  • urbano: representado principalmente por cães e gatos;
  • rural: representado por animais de produção, como: bovinos, eqüinos, suínos, caprinos;
  • silvestre: representado por raposas, guaxinins, primatas e, principalmente, morcegos.

Quais são os sintomas da raiva?

Em todos os animais costumam ocorrer os seguintes sintomas:

  • Dificuldade para engolir;
  • salivação abundante;
  • Mudança de comportamento;
  • Mudança de hábitos alimentares;
  • Paralisia das patas traseiras.

Como reconhecer os sintomas da raiva em cães e gatos?

A primeira fase da doença, conhecida como ‘raiva furiosa’, dura de um a quatro dias e costuma causar alterações de comportamento no cão. Excitação, agressividade, medo, depressão, ansiedade e demência são os principais sintomas da raiva em cães.

Após a fase ‘furiosa’, começa a ‘raiva paralítica’. Nela, os sintomas neurológicos se intensificam: dificuldade de engolir, salivação, falta de coordenação dos membros, paralisia.

A raiva evolui muito rapidamente. Quando chega à segunda fase, infelizmente, o cachorro pode morrer em 48 horas.

Embora seja praticamente erradicada nos dias de hoje, a raiva em gatos é uma doença extremamente perigosa e fatal para os felinos contaminados. 

Provocando uma série de sinais característicos e prejudiciais aos gatos acometidos, a doença pode levar ao óbito em poucos dias; sendo que mesmo quando tratada. 

Fique atento a saúde do seu filho de 4 patas e mantenha a vacinação dos peludos que tanto amamos em dia. Conte com a PetDiver para transportar o seu pet e você até um posto de vacinação para ser imunizado. 

Baixe já nosso app: Feito para você ir junto de quem você ama! S2

CLIQUE AQUI E BAIXE O APP – PETDRIVER 

PetDriver – Junto de quem você mais ama!

Fonte: https://saude.gov.br/saude-de-a-z/raiva

Deixar Seu Comentário

X